terça-feira, 2 de junho de 2015

Os Mega Templos do Cristianismo

Uma tendencia cada vez maior no Brasil tem sido a construção de Templos Gigantescos. Segundo os religiosos, estar junto a uma maior quantidade de pessoas e orar com milhares de irmãos torna mais fácil sentir-se em conexão com Deus.

A maioria destas obras são financiadas com dinheiro provenientes de dízimos e doações e de arrecadações com vendas de livros, CD's e etc. Um bom exemplo é o Santuário Mãe de Deus, em São Paulo, com capacidade para mais de 100 mil pessoas. Boa parte desta obra foi financiada com a renda arrecadada através da venda de CD's e livros do cantor e padre Padre Marcelo Rossi.

As vezes fico me perguntando se é mesmo necessário templos tão grandiosos se ainda existe tanta gente morrendo de inanição, sem ter o que comer. Pra mim, o foco dos investimentos da obra divina deveria ser na melhoria de vida das pessoas, não apenas na exaltação da estrutura física da igreja.

Os evangélicos não ficam para traz e também têm várias mega-construções pelo Brasil. Um com exemplo é a Igreja Mundial do Poder de Deus com a Cidade Mundial, que poderá receber até 150 mil pessoas. Outro caso é a Assembleia de Deus que conclui o projeto de um templo para 30 mil pessoas. Existe também em Belo Horizonte, a Igreja Batista de Lagoinha que pode acolher mais 35 mil pessoas. Todos lideres destas igrejas afirmam que ao se ver no meio da multidão os fieis sentem que não estão sozinhos.
Os grandes templos brasileiros se comparam aos dos Estados Unidos. Atualmente, lideres religiosos, são grandes artistas, assim como os autores da Globo. Sejam católicos ou evangélicos, cada vez mais a exaltação de coisas terrenas tem se fortalecido no meio religioso.

Muitos destes atos tem feito, cada vez mais fiéis abandonarem suas igrejas. Muitos não se conformam de vez tamanha ostentação em meio ao caos social que vivemos. Enquanto milhares morrem de fome pelo Brasil e pelo mundo, as igrejas pedem doações para construção de templos cada vez maiores e luxuosos. 

Eu particularmente acho ridícula tal situação. E você caro leitor, o que acha desta corrida pela construção de Mega Templos no Brasil? Deixe seu comentário.


Fonte de Pesquisas: Revista Época

Nenhum comentário:

Postar um comentário